quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Natal

Que o Espírito do Natal
sensibilize todos nós

Não para a tola obrigatoriedade
de trocar presentes,
e muito menos
para as gulodices da farta cheia
que tanto humilha a pobreza alheia.

Sim para despertar em uns
e pelo menos estimular em outros
as magistrais lições éticas e morais
de fraternidade, solidariedade,
amor ao próximo e amor a Deus,
ensinadas e exemplificadas,
ao vivo, há dois mil anos,
pelo querido aniversariante Jesus de Nazaré,
o mais sábio, amoroso e heróico homem da Terra.

Que a passagem deste ano
renove e revigore em todos nós

A esperança individual
de saúde, prosperidade, bem estar e felicidade.

O anseio coletivo
de uma humanidade pacífica, fraterna e solidária.

O firme propósito
de cada um fazer a sua parte.


quinta-feira, 10 de novembro de 2011

A Voz Do Silêncio -

Pior do que a voz que cala,
é um silêncio que fala.

Simples, rápido! E quanta força!

Imediatamente me veio à cabeça situações
em que o silêncio me disse verdades terríveis,
pois você sabe, o silêncio não é dado a amenidades.
Um telefone mudo. Um e-mail que não chega.
Um encontro onde nenhum dos dois abre a boca.

Silêncios que falam sobre desinteresse,
esquecimento, recusas.

Quantas coisas são ditas na quietude,
depois de uma discussão.
O perdão não vem, nem um beijo,
nem uma gargalhada
para acabar com o clima de tensão.

Só ele permanece imutável,
o silêncio, a ante-sala do fim.

É mil vezes preferível uma voz que diga coisas
que a gente não quer ouvir,
pois ao menos as palavras que são ditas
indicam uma tentativa de entendimento.

Cordas vocais em funcionamento
articulam argumentos,
expõem suas queixas, jogam limpo.
Já o silêncio arquiteta planos
que não são compartilhados.
Quando nada é dito, nada fica combinado.

Quantas vezes, numa discussão histérica,
ouvimos um dos dois gritar:
"Diz alguma coisa, mas não fica
aí parado me olhando!"

É o silêncio de um, mandando más notícias
para o desespero do outro.

É claro que há muitas situações
em que o silêncio é bem-vindo.
Para um cara que trabalha
com uma britadeira na rua,
o silêncio é um bálsamo.
Para a professora de uma creche,
o silêncio é um presente.
Para os seguranças de um show de rock,
o silêncio é um sonho.

Mesmo no amor,
quando a relação é sólida e madura,
o silêncio a dois não incomoda,
pois é o silêncio da paz.

O único silêncio que perturba,
é aquele que fala.

E fala alto.

É quando ninguém bate à nossa porta,
não há emails na caixa de entrada
não há recados na secretária eletrônica
e mesmo assim, você entende a mensagem.

Marta Medeiros

Um dia Você Aprende...

Depois de algum tempo, você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança. E começa a aprender que beijos não são contratos e presentes não são promessas. E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo. E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam... E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la, por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que se levam anos para se construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante das quais se arrependerá pelo resto da vida. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher. Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendemos que os amigos mudam, percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos.

Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa, por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pode ser a última vez que as vejamos. Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos. Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser. Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto. Aprende que não importa onde já chegou, mas onde está indo, mas se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve. Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências. Aprende que paciência requer muita prática. Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou. Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha. Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama, contudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.
Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo. Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado. Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás.

Portanto... plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores. E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!"

William Shakespeare

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Uma parte de mim





















Uma parte de mim já mudou,
outra parte é a mesma,
uma parte de mim é multidão,
outra parte é solidão,
uma parte de mim é só sorrisos,
outra parte é só tristeza,
uma parte de mim é só amor,
outra parte é só frieza,
uma parte de mim já morreu,
outra parte, fortaleceu.
Uma parte de mim é só inocência,
outra parte é só malícia,
uma parte de mim é ironia,
outra parte é sinceridade,
uma parte de mim é bastidor,
outra parte, é protagonista,
uma parte de mim é idiotice,
outra parte, seriedade,
uma parte de mim é desastrada,
outra parte é delicada,
uma parte de mim já se foi,
outra parte, ficou mais forte,
uma parte de mim é preto e branca,
outra parte é colorida,
uma parte de mim é permanente,
outra parte, de repente,
uma parte de mim é igualdade,
outra parte é diversidade,
uma parte de mim virou pedra,
outra parte, floresceu,
uma parte de mim é só ruídos,
outra parte, é só silêncio.
Uma parte de mim é todo mundo,
outra parte é ninguém.

Todo mundo quer ser feliz… a principio bastaria ter Saúde, dinheiro e amor, más nossos desejos são ainda mais complexos.

Caio Fernando Abreu - Frases


"Dentro dela tem um coração bobo, que é sempre capaz de amar e de acreditar outra vez."


Todos nós procuramos a pessoa certa, aquela que nos completará, que conseguirá entender e admirar até os nossos “defeitos”, que colocará um sorriso no seu nosso rosto quando estiver triste, que te ajudará a levantar quando vier a cair, que te dará forças quando as suas acabarem, mas as vezes é preciso parar de procurar pra deixar-se ser encontrado, ao invés de procurar essa pessoa, tente ser essa pessoa pra alguém.

A Moça - Caio Fernando Abreu

“Lá está ela, mais uma vez. Não sei, não vou saber, não dá pra entender como ela não se cansa disso. Sabe que tudo acontece como um jogo, se é de azar ou de sorte, não dá pra prever. Ou melhor, até se pode prever, mas ela dispensa.
Acredito que essa moça, no fundo gosta dessas coisas. De se apaixonar, de se jogar num rio onde ela não sabe se consegue nadar. Ela não desiste e leva bóias. E se ela se afogar, se recupera.
Estranho e que ela já apanhou demais da vida. Essa moça tem relacionamentos estranhos, acho que ela está condicionada a ser uma pessoa substituta. E quem não é?
A gente sempre acha que é especial na vida de alguém, mas o que te garante que você não está somente servindo pra tapar buracos, servindo de curativo pras feridas antigas?
A moça…ela muito amou, ama, amará, e muito se machuca também. Porque amar também é isso, não? Dar o seu melhor pra curar outra pessoa de todos os golpes, até que ela fique bem e te deixe pra trás, fraco e sangrando. Daí você espera por alguém que venha te curar.
Às vezes esse alguém aparece, outras vezes, não. E pra ela? Por quem ela espera?
E assim, aos poucos, ela se esquece dos socos, pontapés, golpes baixos que a vida lhe deu, lhe dará.
A moça – que não era Capitu, mas também têm olhos de ressaca – levanta e segue em frente.
Não por ser forte, e sim pelo contrário… Por saber que é fraca o bastante para não conseguir ter ódio no seu coração, na sua alma, na sua essência. E ama, sabendo que vai chorar muitas vezes ainda. Afinal, foi chorando que ela, você e todos os outros, vieram ao mundo.”

(Caio Fernando Abreu)

Vida

Não fique ai parado reclamando da vida e se perguntando o que se passa no mundo la fora. Vá descobrir.. Quem sabe não há algo reservado, esperando por você?

As vezes me bate uma vontade de simplesmente largar tudo, e sumir por um tempo, não sei se alguém realmente sentiria saudade, mas me faria muito bem.










”Sou bem mais do que os seus olhos podem ver.”

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Oficina de Locutores de Rádio

Iremos fazer um trabalho no qual realizaremos um programa de rádio com o seguinte tema: Trânsito.
Serão grupos em que no início das aulas (provavelmente) vão apresentar, seguindo alguns critérios.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Aula de Geografia!

Aula de Geografia agora! Era pra mim e a Raquel Suzi estarmos fazendo o trabalho mas ela faltou e esqueceu de mandar para o meu e-mail o trabalho agora estou aqui sem fazer nada! :$

Luís Fernando Verissímo

O ESTRANHO PROCEDIMENTO DE DONA DOLORES

Começou na mesa do almoço. A família estava comendo — pai, mãe, filho e filha — e de repente
a mãe olhou para o lado, sorriu e disse:
— Para a minha família, só serve o melhor. Por isso eu sirvo arroz Rizobon. Rende mais e é mais
gostoso.
O pai virou-se rapidamente na cadeira para ver com quem a mulher estava falando. Não havia
ninguém.
— O que é isso, Dolores?
— Tá doida, mãe?
Mas dona Dolores parecia não ouvir. Continuava sorrindo. Dali a pouco levantou-se da mesa e
dirigiu-se para a cozinha. Pai e filhos se entreolharam.
— Acho que a mamãe pirou de vez.
— Brincadeira dela...
A mãe voltou da cozinha carregando uma bandeja com cinco taças de gelatina.
— Adivinhem o que tem de sobremesa?
Ninguém respondeu. Estavam constrangidos por aquele tom jovial de dona Dolores, que nunca fora
assim.
— Acertaram! — exclamou dona Dolores, colocando a bandeja sobre a mesa. — Gelatina Quero
Mais, uma festa em sua boca. Agora com os novos sabores framboesa e manga.
O pai e os filhos começaram a comer a gelatina, um pouco assustados. Sentada à mesa, dona Dolores
olhou de novo para o lado e disse:
— Bote esta alegria na sua mesa todos os dias. Gelatina Quero Mais. Dá gosto comer!
Mais tarde o marido de dona Dolores entrou na cozinha e a encontrou segurando uma lata de óleo
à altura do rosto e falando para uma parede.
— A saúde da minha família em primeiro lugar. Por isto, aqui em casa só uso o puro óleo Paladar.
— Dolores...
Sem olhar para o marido, dona Dolores o indicou com a cabeça.
— Eles vão gostar.
O marido achou melhor não dizer nada. Talvez fosse caso de chamar
um médico. Abriu a geladeira, atrás de uma cerveja. Sentiu que
dona Dolores se colocava atrás dele. Ela continuava falando para
a parede.
— Todos encontram tudo o que querem na nossa
Gelatec Espacial, agora com prateleiras superdimensionadas,
gavetas em Vidro-Glass e muito, mas muito mais
espaço. Nova Gelatec Espacial, a cabe-tudo.
— Pare com isso, Dolores.
Mas dona Dolores não ouvia.
Pai e filhos fizeram uma reunião secreta, aproveitando
que dona Dolores estava na frente da casa,
mostrando para uma platéia invisível as vantagens
de uma nova tinta de paredes.
— Ela está nervosa, é isso.
— Claro. É uma fase. Passa logo.
— É melhor nem chamar a atenção dela.
— Isso. É nervos.
Mas dona Dolores não parecia nervosa. Ao contrário,
andava muito calma. Não parava de sorrir para o seu público imaginário. E não podia passar por
um membro da família sem virar-se para o lado e fazer um comentário afetuoso:
— Todos andam muito mais alegres desde que eu comecei a usar Limpol nos ralos.
Ou:
— Meu marido também passou a usar desodorante Silvester. E agora todos aqui em casa respiram
aliviados.
Apesar do seu ar ausente, dona Dolores não deixava de conversar com o marido e com os filhos.
— Vocês sabiam que o laxante Vida Mansa agora tem dois ingredientes recém-desenvolvidos pela
ciência que o tornam duas vezes mais eficiente?
— O quê?
— Sim, os fabricantes de Vida Mansa não descansam para que você possa descansar.
— Dolores...
Mas dona Dolores estava outra vez virada para o lado, e sorrindo:
— Como esposa e mãe, eu sei que minha obrigação é manter a regularidade da família. Vida Mansa,
uma mãozinha da ciência à Natureza. Experimente!
Naquela noite o filho levou um susto. Estava escovando os dentes quando a mãe entrou de surpresa
no banheiro, pegou a sua pasta de dentes e começou a falar para o espelho.
— Ele tinha horror de escovar os dentes até que eu segui o conselho do dentista, que disse a palavra
mágica: Zaz. Agora escovar os dentes é um prazer, não é, Jorginho?
— Mãe, eu...
— Diga você também a palavra mágica. Zaz! O único com HXO.
O marido de dona Dolores acompanhava, apreensivo, da cama, o comportamento da mulher. Ela
estava sentada na frente do toucador e falando para uma câmara que só ela via, enquanto passava
creme no rosto.
— Marcel de Paris não é apenas um creme hidratante. Ele devolve à sua pele o frescor que o tempo
levou, e que parecia perdido para sempre. Recupere o tempo perdido com Marcel de Paris.
Dona Dolores caminhou, languidamente, para a câmara, deixando cair seu robe de chambre no
caminho. Enfiou-se entre os lençóis e beijou o marido na boca. Depois, apoiando-se num cotovelo,
dirigiu-se outra vez para a câmara.
— Ele não sabe, mas estes lençóis são da nova linha Passional da Santex. Bons lençóis para maus pensamentos. Passional da Santex. Agora, tudo pode acontecer...

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Semana Nacional de Trânsito


Nesta semana começou a Semana Nacional de Trânsito. Que em Joinville vai focar a educação e o uso de gestos como forma de o pedestre sinalizar quando for atravessar na faixa de segurança, foi aberta oficialmente neste domingo, às 9 horas, em frente à Câmara de Vereadores, no Centro, em meio à Rua do Lazer.

A partir deste domingo o público também pode conferir uma exposição com carros batidos no Shopping Mueller. A semana se estende até o próximo domingo, dia 25, com vários eventos.
Eu e a Raquel Suzi estudamos muito para a prova de matemática e acho que tiramos uma boa nota. oõ/

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Charge

A charge é um desenho ou uma pequena história em quadrinhos que possui um caráter humorístico e crítico.


O IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados) é uma taxa cobrada pelo Governo para arrecadação de dinheiro para o país. Ele é taxado sobre vários tipos de produtos. Desde Abril de 2009, o Governo Federal decretou que haveria redução de IPI para os eletrodomésticos da chamada linha branca. E, recentemente, houve prorrogação do prazo de redução.





quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Seminário de Português

No dia 13/08/2011 realizamos um seminário mostrando aos pais, professores e alunos a importância da água para nós e os cuidados que devemos ter para preserva-la.
Foi mostrado os dados de uma enquete feita das ruas pelos alunos dos 9ºs anos. Também foi mostrado algumas apresentações de slide e um vídeo feito por mim, Amanda, Bruno, Larissa e Ana Paula.
Fomos ao centro da cidade em busca de funcionários que limpam nosso município, e que muitas vezes não são valorizados o suficiente, tanto financeiramente quanto em relação ao respeito.

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Música: Planeta água

Guilherme Arantes

Água que nasce na fonte
Serena do mundo
E que abre um
Profundo grotão
Água que faz inocente
Riacho e deságua
Na corrente do ribeirão...

Águas escuras dos rios
Que levam
A fertilidade ao sertão
Águas que banham aldeias
E matam a sede da população...

Águas que caem das pedras
No véu das cascatas
Ronco de trovão
E depois dormem tranqüilas
No leito dos lagos
No leito dos lagos...

Água dos igarapés
Onde Iara, a mãe d'água
É misteriosa canção
Água que o sol evapora
Pro céu vai embora
Virar nuvens de algodão...

Gotas de água da chuva
Alegre arco-íris
Sobre a plantação
Gotas de água da chuva
Tão tristes, são lágrimas
Na inundação...

Águas que movem moinhos
São as mesmas águas
Que encharcam o chão
E sempre voltam humildes
Pro fundo da terra
Pro fundo da terra...

Terra! Planeta Água
Terra! Planeta Água
Terra! Planeta Água...

Água que nasce na fonte
Serena do mundo
E que abre um
Profundo grotão
Água que faz inocente
Riacho e deságua
Na corrente do ribeirão...

Águas escuras dos rios
Que levam a fertilidade ao sertão
Águas que banham aldeias
E matam a sede da população...

Águas que movem moinhos
São as mesmas águas
Que encharcam o chão
E sempre voltam humildes
Pro fundo da terra
Pro fundo da terra...

Terra! Planeta Água
Terra! Planeta Água
Terra! Planeta Água...(2x)

Água, fonte de vida

Os oceanos compõem cerca de de 70% da superfície da terra, e os continentes ocupam o restante. Ou seja, quase 2/3 do planeta são cobertos de água. Mas a maior parte desse montão de água é imprópria para consumo. Do total 97% é água do mar, muito salgada para beber e para ser usada em processos industriais; 1,75% está congelada na Antártica, na região do pólo norte e em outras geleiras; 1,243% fica escondido no interior da terra sobra apenas 0,007% de água boa para ser usada.


(E esse é o tema do nosso seminário de português para o próximo mês; 13/08/2011. Cujo tema é: Eu, minha casa... meu planeta* )

Reflita

" É triste notar que a natureza fala e o gênero humano não ouve."
(Victor Hugo)

"A minha consciência tem milhares de vozes, e cada voz traz-me milhares de histórias, e cada história sou vilão condenado."
(William Shakespeare)


"Se eu soubesse que o mundo acabaria amanhã, eu ainda hoje plantaria uma árvore."
(Martin Luther King)

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Greve!

GREVE:
duração 9-05-2011 à 17-06-2011
"Quanto mais medíocre é o dirigente,mais ele despreza a inteligencia e a cultura, e se transforma numa ilha cercada de medíocres".
(Analdo Jalor)

Anedota

Uma anedota é uma pequena história, de final engraçado e às vezes surpreendente, cujo objetivo é provocar risos ou gargalhadas em quem a ouve ou lê. É um recurso humorístico utilizado na comédia e também na vida cotidiana.

Porque o anão não pode lutar boxe?
R: porque ele dá golpe baixo.

Pra q o anão atravessou a rua correndo?
R:pra pegar impulso para subir a calçada

Esta anedota expressa certo tipo de preconceito em relação aos anões.

Ela tem coerência, e tem um final engraçado.